quarta-feira , outubro 18 2017
fiat-topo.fw_
skytop.fw_
carmemnovo.fw
fiat-topo.fw_1
lakhazza okk.fw
okkkk
barroco.fw
flami.fw
brasilianook.fw
Home / ESPORTES / GOVERNO MIRIM PARTICIPA DO PROJETO EXPEDIÇÃO ARAUCÁRIAS

GOVERNO MIRIM PARTICIPA DO PROJETO EXPEDIÇÃO ARAUCÁRIAS

A Expedição Araucárias levou integrantes do Governo Mirim de Canela para conhecer árvores coníferas centenárias preexistentes a chegada do homem branco na região e contemporâneas do conhecido Pinheiro Grosso, na localidade de Tubiana. Na caminhada, realizada na sexta-feira (18) os estudantes, passaram por antigas trilhas de mulas em meio a matas de araucárias e floresta nativa, na região norte do município, foram reconhecidos exemplares gigantescos.

Como a educação ambiental nas escolas têm efeito direto na formação do jovem cidadão, o setor de Projetos Especiais da Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Lazer, coordenado pelo professor André Toledo e o engenheiro agrônomo Amilcar de Moura, da Secretaria de Meio Ambiente Urbanismo e Mobilidade Urbana, em parceria com a Hidromineradora Passo do Louro Ltda (Hortênsias), que abraçou a ideia em seu programa de educação ambiental, doando 50 mochilas adequadas para os alunos levarem lanche e água e 50 perneiras, para proteção de serpentes, além dos honorários do guia, José Carlos Assumpção da Silva, que fará quatro expedições no ano letivo com o mesmo grupo de alunos que compõe o Governo Mirim e seus respectivos assessores para participarem da Interpretação Ambiental da paisagem natural nas quatro estações do ano.

André e Amilkar explicam que o objetivo é observar as mudanças na flora e na fauna avistada e por meio de fotos, onde os alunos poderão perceber diferentes momentos no ecossistema local, ao longo das estações do ano, resultando numa exposição de Interpretação Ambiental que farão para sua comunidade escolar.

O PROJETO

O projeto Expedição Araucárias foi idealizado para conhecer um grupamento de Araucárias centenárias, sobreviventes ao ciclo madeireiro que deu início ao processo de desenvolvimento da cidade de Canela. O projeto iniciou com adultos, na maioria composto por pesquisadores, turistas e ecocaminhantes, acessando o rio Caí por antiga trilha de mulas, na localidade da Tubiana, ao norte da cidade, divisa com São Chico, para conhecer e pesquisar aquele relicto de araucárias e a paisagem única e primitiva do local, como potencial para turismo de natureza.

Fonte: Assessoria de Imprensa- Prefeitura de Canela

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *